Atituna

AtitunaA força não provém da capacidade física mas sim de uma vontade indomável. – Mahatma Gandhi

Foi de uma vontade indomável de levar o espírito tunante ao seu expoente mais elevado que nasceu a ATITUNA – Tuna Feminina da Faculdade de Psicologia e de Ciências de Educação da Universidade do Porto.

Fundada por um grupo de tunantes identificadas pelos mesmos princípios e valores e, por isso, unidas em torno do mesmo objetivo; o da exaltação da tuna erguida disto mesmo em que acreditam: da amizade, da música, da praxe e do espírito académico tal qual é definido.

A ATITUNA nasceu a 5 de Outubro de 2006, depois de uma gestação um tanto ou quanto inconsciente mas, mais cedo ou mais tarde adivinhável.

5 de Outubro vem então marcar não somente a Implantação da República, como em 1910, mas a implantação de um grupo idealizado, que agora tomava forma concreta, erguido com genuína espontaneidade e reconhecido pela respetiva casa num momento de apoteose, inserido num ambiente intenso de misticismo que meras palavras não ousam descrever.

Essa força proveniente da vontade indomável é continuamente invocada para, na realidade em movimento que é o mundo académico em geral, a Tuna saber responder à fugacidade dos tempos e à evolução das práticas, afirmando o seu espaço enquanto Tuna Feminina com uma presença vinculada à sua singularidade e simultaneamente conservando aquilo que de mais rico nos trazem as tradições académicas das quais, afinal, todas descendemos.

Falarmos de Atituna sem falarmos de Atitude seria limitarmos as palavras a uma transitoriedade de significado. E é este próprio significado que está no fogo e nas cinzas das quais a Fénix é nascida, na base e na força com que é erguido este projeto. Porque, afinal, a Tuna é feita com Atitude de honra.

 

“Ad honoris Atitudis Tvnae factum est.”


Contacto: tufpceup@gmail.com
Facebook:
Atituna FPCEUP